quarta-feira, 8 de julho de 2015

Artigo: E agora, Josés e Majus?

Maria Júlia Coutinho, Maju (1)
Um aqui, outro ali, outro acolá, outro aqui, e acolá, e  ali! E acolá, e ali, e cá... De um lado, a mídia frenética e oportunista e o gentio solidário e surpreendentemente perplexo; do outro, a polícia, patética e cordeira, como cegos em tiroteio, e a justiça a postos, dedos em riste e ações inócuas.

Na verdade, o buraco é mais embaixo e não é um projeto Brasil, mas, Mundo... É um trabalho educativo hercúleo, utópico, talvez... Preconceito, racismo, intolerância, fanatismo não são coisas novas e não estão na "moda" por aqui - são sentimentos impregnados de modo imperscrutável na psique humana por inúmeras, incontáveis, inexplicáveis e incompreensíveis razões e justificativas pífias.

"Os instrumentos de tortura da Inquisição eram verdadeiros
'maquinários de guerra' contra as heresias."
Em tempos de frenéticas redes sociais, acredito que o adolescente identificado como um dos responsáveis pelos comentários preconceituosos contra a jornalista Maria Júlia Coutinho, da Rede Globo de Televisão (2), se de fato for um adolescente, ainda não seja um menino "perdido e irrecuperável"; quero crer que, como tantos outros, tenha desejado ser engraçadinho, embora, sabem os sábios, agiu como um bobo; ele não tirou da cartola a sua grande "sacada"; aprendeu com alguém próximo, que aprendeu com alguém próximo, que aprendeu com alguém, num ciclo perverso e sem fim.

Neste e em tantos outros casos semelhantes ou ainda mais graves - quando envolvem agressões físicas e psicológicas, mortes e outras brutalidades - nenhuma medida socializante mudará as atitudes se não mexer com a alma. Não com métodos correcionais a la Laranja Mecânica, mas, com Boas Escolas e Bons Mestres: no sentido mais amplo a que essas expressões possam nos remeter, eis as únicas saídas dignas para as mazelas humanas. Pena que demanda tempo...
 
Alex (Malcolm McDowell) é submetido ao tratamento Ludovico
no filme Laranja Mecânica (A Clockwork Orange), filme anglo-americano de 1971,
escrito, produzido e dirigido por Stanley Kubrick.
Notas: 
(1) Maria Júlia Coutinho, conhecida como Maju, é jornalista da Rede Globo de Televisão. Em abril de 2015, a jornalista foi alvo de comentários racistas na redes sociais.
(2) Em julho de 2015, a polícia identificou um dos responsáveis (adolescente de 15 anos), estando a investigação, na data de publicação deste artigo, em andamento.
______________________

Fontes e referências
http://oglobo.globo.com/sociedade/policia-de-sp-identifica-suspeito-de-agressoes-racistas-contra-maria-julia-coutinho-16695178#ixzz3fFs3gJIZ?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=O%20Globo
http://guerras.brasilescola.com/idade-media/as-armas-inquisicao.htm
https://pt.wikipedia.org/wiki/Laranja_Mec%C3%A2nica_(filme)
http://cinema.uol.com.br/album/2013/04/25/conheca-15-detalhes-do-polemico-laranja-mecanica-de-stanley-kubrick.htm#fotoNav=3



Nenhum comentário:

Postar um comentário